Crédito: Mariana Landim

Na manhã do último sábado (25/11), dezenas de mulheres caminharam pelas ruas o município de Araripina, Sertão do Araripe, para dizer: basta de violência contra as mulheres! A data é especial para o movimento feminista, já que celebra o Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher. O ato foi uma ação do Fórum de Mulheres do Araripe e organizado pelo Centro de Habilitação e Apoio ao Pequeno Agricultor do Araripe (Chapada), Secretaria Executiva da Mulher de Araripina, Ordem dos Advogados do Brasil Subseção Araripina (OAB), Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Associação das Mulheres Urbanas e Ruralistas de Araripina (AMMURA).

A concentração aconteceu na Praça da Igreja Matriz da cidade e depois as mulheres fizeram uma caminhada até o mercado hortifrutigranjeiro. A ideia foi chamar atenção de quem passava no local sobre os índices de feminicídio no país e no estado, como também alertar a população sobre as várias formas de violência que atinge as mulheres, independente de classe social, raça ou religião. “O Brasil é o 5º país do mundo no ranking do feminicídio. Diariamente 7 mulheres são assassinadas por ex-companheiros ou atuais parceiros. Em Pernambuco, só este ano, houve um aumento de 8,7 por cento do número de casos em relação a 2016. Esta realidade justifica o nosso ato”, explica a representante do Chapada, Valéria Landim.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

limpar formulárioPostar Comentário